Resenha - Em Seu Coração - Bianca Briones

Leia mais

Resenha O Desapego Rebelde do Coração - Bianca Briones

Leia mais

Resenha -Mais Uma Chance para o Amor- Mila Maia

Leia mais

#Resenha - O Teorema Katherine - John Green


O Teorema Katherine

John Green
Editora Intrínseca
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ 

   Em o Teorema Katherine conhecemos Colin Singleton, um jovem que acabou de levar o fora da 19ª Katherine. Isso mesmo, Colin um fuggin* nerd, namorou 19 Katherines, dá pra acreditar?  
   Colin é um menino prodígio de apenas 17 anos, de uma inteligência inacreditável, aprende fácil, gosta de desafios e de anagramas, de qualquer palavra ou frase a ele que irá se diverti fazendo anagramas. Colin está na pior, levou mais um fora de uma Katherine e não consegue entender porque todas terminam com ele, junto de seu melhor amigo Hassan, outro jovem meio nerd, mas que não quer nada com a vida, não quer ir para a faculdade, só ficar em casa sem fazer nada coçando o saco (palavras dele), é o que ele faz    de melhor! Hassan é um jovem inteligente não tanto quanto Colin, mas sempre está de bom humor, sempre tentando ajudar Colin depois de levar o fora das Katherines.
  Colin está ficando velho e com um certo medo de não passar de um simples prodígio, Colin quer mais, quer ser um gênio e descobrir o sue momento "eureca". Mas se vê cada vez mais distante disso. 
  Cansado de esperar que a Katherine ligue para ele dizendo que se arrependeu por ter terminado com ele, decide juntar umas roupas e cair na estrada, respirar, organizar a cabeça  e viver uma aventura junto de seu amigo Hassan. Sem destinos os dois caem na estrada sem rumo e acabam indo para em uma cidadezinha chamada Gutshot, para visitar o túmulo do arquiduque Francisco Ferdinando.
  Em Gutshot é que Colin descobre seu momento "eureca", com os término do namoro, Colin fica motivado a criar um teorema matemático, capaz de prever a duração dos relacionamentos e quem seria o Terminante e o Terminado. Através desse teorema é que passamos a conhecer melhor os relacionamentos de Colin com as Katherines. 
  Na pequena cidade, eles conhecem Lindsey uma jovem muito engraçada e inteligente para a cidade pacata onde vive. Também conhecem Hollis mãe da Lindsey e dona da fábrica que mantém boa parte da população trabalhando e tendo renda para suas famílias. Hollis oferece um emprego para os meninos, entrevistar os moradores antigos da cidade junto de sua filha Lindsey.
  O livro gira em torno do teorema de Colin e de sua nova vida junto de sue amigo na pequena Gutshot. Colin e Hassan são ótimos, e seus momentos nessa cidade são hilários. Acostumados com Chicago, barulho sem muito contato com a natureza, irão se aventurar até em caçar Javalis. 
   A narrativa de John Green é ótima, algumas pessoas poderão não gostar da narrativa ou não se identificar com o Colin, já que ele é um nerd e fala, fala sobre teorias e matemática então algumas pessoas podem achar meio entediante. Hassan é sem dúvida muito engraçado e foi o grande responsável por tirar muitas das minhas risadas, até fiquei meio constrangida, devido a rir alto dentro do ônibus, quem nunca? Enfim, a amizade de Colin e Hassan é ótima e percebemos que um pode contar com o outro, e apesar de suas religiões isso não os impedem de terem uma amizade (Colin é Judeu e Hassan, Mulçumano)
  Colin, Hassan e Lindsey se tornam amigos e saem juntos para as entrevistas e isso vai deixando com que fiquei mais próximos. Lindsey é inteligente, mas totalmente diferente de Colin, Lindsey não quer ser famosa, não quer ficar em evidência, prefere sua vidinha naquela cidade pacata. 
  John Green mais uma vez me conquistou com seus personagens nerds, apesar de ser um livro que não tem um final impactante como os outros que li, um livro emocionante e tals. 
O Teorema Katherine é um livro inteligente e divertido, fala sobre os jovens e suas neuras, de um jeito bem tranquilo e engraçado que só Green consegue. Recomendo o livro, mas não crie expectativas, achando que vai seguir o estilo de " A Culpa é das Estrelas" porque não vai!

8 comentários:

  1. John Green é inteligente e divertido!! Não poderia esperar outra coisa de seus livros. =)
    Ainda não consegui tempo para ler "O Teorema Katherine", mas já sei que vou amar. Os personagens parecem ótimos. Gosto muito de nerds e me identifico em várias coisas.
    A trama parece divertida, mas realmente com menor carga emocional que outros livros do autor. Na minha opinião, isso não tira em nada a qualidade da história, é só um estilo diferente.
    obs: Para um nerd, até que o Colin se sai "bem" com as garotas! 19 com o mesmo nome? rs
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro a escrita do John e pretendo ter este livro em breve. Amei sua resenha, foi bastante sincera. A história parece ser bem divertida e escrito por John deve ter um toque especial. Acho que assim como você, vou me apaixonar pelo personagem.

    Beijoss!

    ResponderExcluir
  3. Ahh esse livro é otimo!
    Adoro a ideia geral e principalmente, adoro as notas de rodapé - e a amizade entre Colin e Hassan!
    E sim, adoro essa coisa da amizade deles não ter problema com relação a religião e tal...
    E acho mt boas as venturas em Gutshot com a Lindsey!
    E agora que vc falou... Realmente o o livro do JG que tem um final mais... comum. Acho que é pq esse livro não tem nenhum grande drama, é mais sobre adolescentes vivendo a adolescência e tal!

    bjsss

    ResponderExcluir
  4. Eu confesso(vejo pedras voando) que não sou tão fã do autor..ainda não achei um livro dele tão bom.. gosto é gosto rsrs, eu tenho este e achei legal..mas não foi aquilo, mas assim como vocÊ fala ele não tem um final tão empactante como seus outros livros, mas é bom, uma leitura rapida,
    beijos.

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do intuito da história do livro. Mas eu não gostei muito da narrativa em 3° pessoa, deve ser porque eu criei muita expectativa em cima do livro, achando que iria ser igual Acéde...
    Pretendo relê-lo daqui alguns anos, quando eu tiver tirando esse pensamento da cabeça, quem sabe rsrs.

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Já vi pessoas falando que esse livro não era lá tão bom e achei que ele tem cara de ser um tanto confuso, mas lendo a sua resenha ele parece ser bem legal. Não sei se tem alguma coisa haver mas ele me lembrou do livro Cidades de Papel, do próprio John Green também. Vou procurar ele em e-book mesmo >,<
    Beijos,
    Starbooks

    ResponderExcluir
  7. Ola Tahis...Ainda não tive a oportunidade de ler nada do autor...Mas tenho muita curiosidade e li várias resenhas positivas sobre este livro, outras me falaram que não é a melhor historia do autor,mas ainda assim pretendo ler pois parece ser uma historia leve.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  8. Ouvi muitos fãs de A culpa é das Estrelas decepcionados. Acho que quando eu ler esse livro, vou seguir sua dica e ir sem muitas expectativas ^^
    Já li Cidades de Papel do autor e gostei realmente de sua narração. Espero que Teorema de Katherine seja semelhante!

    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir

Olá, que bom ter você aqui no meu cantinho, obrigada pela visita e pelo seu comentário, saber a sua opinião é muito importante! Volte sempre!