Resenha - Partiu Vida Nova - Leila Rego

Leia mais

#Conto - Além do que se vê + entrevista com autora Tayana Alvez

Leia mais

Setembro Amarelo - Livros sobre Suicídio

Leia mais

#Resenha - Os Homens que não amavam as mulheres - Stieg Larsson

Os Homens Que Não Amavam as Mulheres
Trilogia Millennium: Livro 1
Stieg Larsson
Editora: Companhia das letras
Páginas: 528
Skoob 

Sinopse: Os homens que não amavam as mulheres é um enigma a portas fechadas - passa-se na circunvizinhança de uma ilha. Em 1966, Harriet Vanger, jovem herdeira de um império industrial, some sem deixar vestígios. No dia de seu desaparecimento, fechara-se o acesso à ilha onde ela e diversos membros de sua extensa família se encontravam. Desde então, a cada ano, Henrik Vanger, o velho patriarca do clã, recebe uma flor emoldurada - o mesmo presente que Harriet lhe dava, até desaparecer. Ou ser morta. Pois Henrik está convencido de que ela foi assassinada. E que um Vanger a matou.

Uma das minhas trilogias favoritas. Sou super fã de um bom suspense policial, acho que já deu pra perceber né?
    Então, em " Os Homens que não amavam as Mulheres" temos duas histórias distintas: conhecemos Michel  Blomkvist um jornalista bem conceituado e co-proprietário de da revista Millenium, uma revista que está voltada para fazer justiça e desmascarar os grandes vigarista da área financeira. E também conhecemos Lisbeth Salander, uma hacker, bem estilosa digamos assim, que aparenta ser perturbada e aparente ser bem mais nova. Lisbeth vive sobre tutela do governo, como eu disse aparente ser perturbada, com seus piercings e tatuagens tem um certo problema de se socializar. 
     O livro começa com um senhor recebendo um quadro com uma planta seca enquadrada nele. O senhor recebe um quadro desse uma vez por ano e nada além disso. É bem limitado.      Partimos para conhecer Michel, um jornalista que está sendo acusado de difamação contra um dos mais influentes homem sueco: Hans-Erik Wenneström. Com isso Michel deve pagar uma contia muito alta e ainda vai pagar 3 meses de prisão. Com isso, para não prejudicar mais a revista, Michel decide dar um tempo da revista. 
    Seguindo, vamos conhecendo Lisbeth Salander, que trabalha em uma empresa a Milton Security, que tem como objetivo investigar as pessoas. Como é uma expert no que faz Salander é contratada para fazer uma pesquisa sobre a vida de Michel Blomkvist para um dos clientes da Empresa.
    A investigação está sendo feita a pedido de Dirch Frode, advogado e amigo de Henrik Vanger, um grande empresário que se consolido com as Indústria Vanger. Henrik Vanger possui um passado meio conturbado, sendo de uma família grande e complicada, só tem um objetivo antes de morrer: saber o que aconteceu com sua sobrinha Harriet Vanger.
   Harriet sumiu sem deixar rastros da ilha de Hedestad  onde estava com sua família. Sem testemunhas e sem nenhum indicio do que aconteceu com ela no dia de seu desaparecimento, a ponte que da acesso a ilha estava fechada. Henrik está convencido que sua sobrinha foi assassinada.
   Com essa sua obsessão, Henrik aproveita a situação problemática de Michel e o contrata para escrever sobre a biografia de sua família, isso caro é uma desculpa, o que ele quer na verdade é que Michel investigue o desparecimento de Herriet Vanger.
    No incio  Michel fica relutante, mas acaba cedendo após Henrik lhe dizer que tem provas de que podem ajudar a Michel sobre  Hans-Erik Wenneström. Miche l como não tem nada a perder decide se instalar na fria e solitária ilha Hedestad para investigar o caso.  Com isso, após fazer um grande avança na investigação, Michel precisa de ajuda nas pesquisas e solicita a Dirch Frode. Nisso os cominhos de Michel e Lisbeth se cruzam, os dois começam a trabalharem juntos, posso dizer que funciona muito bem!
  Um livro cheio de mistérios, a família Vanger é bem grande e com isso temos muitas e muitas histórias, o livro me deixou presa, as histórias são tão bem construídas, s personagens são tão bem elaborados que parece que você está ali vivendo aquilo. O livro é recheado de mistério, contém muitas informações e isso o deixa em extenso. Uma coisa que achei interessante foi, como a família Vanger é bem grande, tem a árvore genealógica da família  para gente saber quem é filho de quem, para não ficarmos perdidos.
  Adorei a Lisbeth, uma jovem que é bem injustiçada na minha opinião, ela tem aquela faxada de durona e todos aqueles Piercings e tatuagens mais por trás de tudo isso tem uma jovem que só precisa de atenção, compreensão e carinho. Fiquei, encantado com suas especialidades, sua inteligência, com toda certeza é uma das minhas personagens preferidas. Michel é um homem bem inteligente, que está focado na história da família Vanger, e está encantado com a inteligência de Lisbeth. O relacionamento dos dois é muito bem construído. O desfecho do livro é de tirar o folego, Lisbeth acaba sendo uma peça muito importante para ambas histórias, tanto para solucionar o caso da família Vanger e o caso de Erik Wenneström. "Os Homens que Não Amavam as  Mulheres" é um livro eletrizante que vai te deixar ligado até o final, é um livro bem diferente, com ares diferente. Super recomendo.

O livro já foi adaptado para os cinemas na versão americana ano passado, com os atores Daniel Craig (Michel Blomvisk) e Rooney Mara (Lisbeth Salender), o filme é ótimo, super bem produzido, não deixou a desejar, foi tudo como estava no livro! Tem os filmes na versão sueca, já vi o segundo filme na versão sueca. Assistam é muito bom!  

Espero que gostem!!!
   

19 comentários:

  1. Adoro livro cheio de mistérios. Eu não sabia que o livro havia sido adaptado para o cinema, vou procurar =]

    ResponderExcluir
  2. Eu não conhecia o livro nem o autor. Mas também amo suspense policial. Tem alguns que são realmente bons. E esse parece ser um desses, ainda mais contendo muitos mistérios nos deixando ainda mais presa e envolvida na história. Gostei da sua resenha e só aumentou ainda mais o desejo de ler.
    Bjokass

    ResponderExcluir
  3. Primeira vez que leio algo sobre este livro e autor. Não conhecia...
    Ai adoro livros assim com histórias de personagens bem construídas e que nos fazem ficar loucas para desvendar o mistério ...
    Agora que soube que tem um filme vou dá uma pesquisa vê se acho para ver.

    ResponderExcluir
  4. Oi flor!
    Também adoro um suspense policial!
    Sou louca pra ler essa trilogia, solicitei os dois primeiros pelo Skoob no final de semana e estou esperando-os chegarem agora!
    Espero me encantar tanto quanto você e ai vou assistir às duas versões dos filmes!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Inicialmente a capa desse livro não me agradou portanto nunca tinha parado para ler alguma resenha, muito menos a sinopse desse livro, porém, agora que soube que é um suspense policial, minha curiosidade aumentou e muito!
    Fiquei feliz em saber que o livro é cheio de mistérios e que, apesar de o número de personagens ser grande, conhecemos a todos!

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  6. Eu preciso ler essa trilogia urgentemente! Todos só falam bem! :/
    Beijo,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  7. Eu li esse livro mês passado e adorei, li as 500 e poucas páginas sem perceber. Estou um pouco sem tempo, mas gostaria de ler as sequencias logo.
    Ainda não vi o filme, mas tenho mais expectativas com o sueco, pelos comentários é muito melhor.

    ResponderExcluir
  8. Gosto de livros que tenham essa temática, mas não acho que vá amar esse rs'
    Já li várias resenhas e nenhuma me deixou muito curiosa sobre.


    Beijocas,
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
  9. Esse não é um dos meus gêneros favoritos e infelizmente não assisti ao filme, mas pela sua resenha notamos claramente o quanto o livro é bom e o quanto você ficou empolgada com a leitura :D

    beijos
    http://amostradelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Tahis!
    Sim, já percebi que você é fã de policiais haha
    Eu quero muito ler essa série, só vejo bons elogios, e sua resenha me instigou mais ainda.
    Beijos
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu ainda não li esse livro, mas to louca pra ler, pois desde que vi o trailer do filme fiquei super curiosa pela historia, apesar de não ter assistido ainda, mas como você Tahis eu adoro livros de suspense policiais por isso tenho certeza de que vou gostar desse livro.

    ResponderExcluir
  12. Eu não tinha ouvido falar desse livro ainda, mas assim como você eu também amo suspense policial! Fiquei morta de vontade de ler o desenrolar da história e tudo sobre o desaparecimento da Harriet.

    ResponderExcluir
  13. Não consegui entender o título do livro lendo a resenha... Acho que só lendo o livro mesmo.
    Gosto de livros com finais eletrizantes e de tirar o fôlego, e se esse livro tem, eu preciso ler. :)

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho a trilogia Millenium aqui, mas ainda não li nenhum dos livros. Já assisti o filme "Os homens que não amavam as mulheres", pelo que li da sua resenha, o filme realmente é bem fiel ao livro. Já vi a versão americana e também a versão sueca (achei as cenas da versão sueca mais fortes e pesadas), ambas são muito boas.
    Eu concordo com vc sobre a Lisbeth, acho q aquele jeito todo "doidão" de ser dela, é simplesmente um refúgio por tudo o que ela já havia sofrido.

    Bjok

    ResponderExcluir
  15. Eu vi o filme e fiquei querendo conferir esses livros, mas ainda não deu. É bom, diferente e seria gostoso de ler. Vale a pena conferir.

    ResponderExcluir
  16. Acredita que não vi o filme? Sempre fico de ver mas esqueço =( Vou ver correndo e a versão Sueca também, deve ser bom.

    O livro é tão comentado, polêmico... diferente e ao mesmo tempo curioso. Vou ler, com certeza.

    ResponderExcluir
  17. Estava comentando com uma amiga esses dias sobre esse livro..
    Nao sei pq, mas nao sinto vontade d ler..
    Vi muitas pessoas falando super bem dele, mas nao é aquele livro q me da curiosidade...
    Vi q vc elogiou e indicou os filmes.. de repente eu ate vejo, mas nao tenho pressa!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  18. Não conhecia este livro, parece ser ótimo!
    Adoro ler livros que viraram filmes, gosto muito de comparar os dois! Que bom que você gostou do livro e do filme, as vezes as pessoas acham o filme bem diferente do livro,legal saber que este não foi seu caso.

    ResponderExcluir
  19. Não conhecia esse trilogia, mas ela parece ser muito boa!! Como gosto desse gênero, acho que vou ler!!

    ResponderExcluir

Olá, que bom ter você aqui no meu cantinho, obrigada pela visita e pelo seu comentário, saber a sua opinião é muito importante! Volte sempre!