Resenha -Mais Uma Chance para o Amor- Mila Maia

Leia mais

O Que Andei Lendo - Agosto - Setembro

Leia mais

Resenha - Casada Até Quarta - Catherine Bybee

Leia mais

#Resenha - O Inocente - Harlan Coben


O Inocente
Harlan Coben
Editora Arqueiro
Páginas:326
♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Em O Inocente mais uma vez nos vemos presos nos mistérios criados por Coben.
Me envolvo tanto com a história  o drama vivido ali que fico a noite toda acordada. Dessa vez conhecemos Matt Hunter, um jovem que na sua juventude se envolveu em uma briga na faculdade, e por defender seu amigo, acabou por acidente matando um jovem estudante tentando separar a briga. Com isso, Matt se vê diante de escolhas que pode mudar a sua vida para sempre.
Matt Hunter foi condenado a quatro anos de prisão. Anos se passaram e Matt está com uma nova vida, ao lado da mulher que ama, construindo uma família. Tentando recuperar, se reerguer, tentado ser um homem digno, tentando mostrar ais outros que é um homem decente e que cumpriu a sua detenção, e que agora está livre para recomeçar.
Mas como a sociedade reage diante de um homem que acabou de sair da cadeia por assassinato? Como pode um homem recomeçar diante de olhares tortos? 
Para piora, Matt começa a receber fotos e vídeos de sua esposa Olivia, com um homem. O mundo de Matt começa a desmoronar novamente, será que sua esposa o está traindo? Matt começa a ser seguido por um homem misterioso, enquanto sua esposa está viajando. 
   Um pouco não muitos distante, um assassinato aconteceu em um convento, onde tudo indica uma freira foi assassinada, e com isso um mistério se instala no convento, como uma freira pode ter silicones nos peitos? Diante dessa descoberta a madre superior do internato entra em contado com a detetive Loren Muse. Loren, volta a sua a sua antiga escola para investigar a morte da irmã.  Diante de alguns acontecimentos e ligações, Loren acaba chegando a Matt como suspeito, de assassinato, o homem misterioso que estava perseguindo Matt é encontrado morto e com isso Matt vira suspeito número um. Matt se empenha em descobrir a verdade e está determinada a não voltar para a cadeia.
  Como sempre digo, os livros de Harlan Coben são impossíveis de largar, você fica naquela expectativa de descobrir a verdade, e sempre, eu digo sempre, o livro dá uma reviravolta, e quando você pensa que está ficando próxima de descobrir o verdadeiro culpado, as coisas mudam.
 O Inocente, é um livro intenso, com personagens bem construídos. Matt é um personagens, muito sincero e determinado, após passar 4 anos na prisão, é claro que a cabeça dá uma mudada, e com Matt não foi diferente, vemos o quanto ele é sensível e apaixonado por sua esposa e está determinado a deixar o passado e recomeçar a sua vida.
 O livro conta com vários personagens, e o que mais gosto nos livros de Harlan, é que sempre eles são ligados, contribuem bastante para a história e quando chega no final você percebe o quanto ele foi essencial para o desfecho.
  O livro é narrado em terceira pessoa, mas sempre estamos conectados com os pensamentos de Matt, sentindo tudo pelo que ele passa. 
 Sempre vejo alguns comentário sobre os livros do Coben que sempre é o mesma coisa, e que as histórias de uma forma ou de outra se parecem, discordo com isso, a cada livro eu me vejo mais surpreendida com a habilidade que ele tem de criar histórias maravilhosas que te deixam a noite acorda doida para descobrir o verdadeiro culpado. Super recomendo para quem gosta de um bom suspense e investigação!!
O Inocente foi lançado em 2005, mas está sendo lançado aqui no Brasil esse ano pela Editora Arqueiro, que é a que tem lançado a maioria dos livros Do Coben aqui no Brasil! Recomendo todos os livros do autor, sou super fã, e espero que possam ler  e se apaixonarem tanto quanto eu!!

#Resenha - Quem é você, Alasca? John Green


Quem é você, Alasca?
John Green
Editora:
Skoob:


Quem jé leu livros do Green sabe como seus livros nos deixam uma carga emocional ao terminar a leitura né? Assim que li Quem é você, Alasca? fiquei completamente "perdida", assim, o perdida foi em relação a vida, ao sentido da vida e ao sofrimento.
 Conhecemos Miles, um adolescente tímido que não tem muitos amigos, na verdade não tem nenhum amigo, e está de partida para sua nova escola, onde seu pai estudou, a Culves Creek. Miles está em busca do Grande Talvez. Lá Miles dividirá o seu quarto com um outro garoto, o Coronel. Miles é fascinado por biografias e pelas últimas palavras das pessoas antes de morrer. Assim que se instala na escola, Miles fica amigo do Coronel, e assim é apresentado a Alasca Young, uma menina meio complicada que mudara a sua vida.
  Alasca é aquele tipo de personagem que te irrita com algumas atitudes, mas que por trás de tal atitude é que a conhecemos de verdade, apesar de fazer muitas besteiras, Alasca tem toda uma história ali, e com o passar das páginas vamos descobrindo os seus segredos, suas aflições e junto, vamos sentido seu drama e tentando de alguma forma entender. Uma personagem que rouba a cena quando citada, apaixonada por livros e poesias sempre tem um a ponta da língua para o momento.
 Rodeado de novos amigos, Miles se diverte e fica encucado com as armadilhas do Coronel, meu queridinho, cheio de personalidade como todos os personagens de John Green, o Coronel, é um amigo que adoraria ter, apesar de não ser tão explorado assim, é uma amigo sincero que sempre quer ver o bem de seus outros amigos, e sempre está ali presente, mesmo que suas palavras em tal momento não seja necessária mas a sua presença sim. E isso deixa Miles super feliz, afinal para um menino que não tinha amigos e logo de cara ter o Coronel, é um amigo e tanto.
  A "relação" que Alasca e Miles criam de amizade, que logo vamos percebendo que Miles está encantado com Alasca é muito fofa e linda. Miles tenta sempre entender a complicada cabeça de Alasca e todo o seu drama e suas atitudes. Vamos percebendo com vai crescendo ali um laço, um amor sincero, aquele amor que só queremos estar perto da pessoa, e poder reconforta-la. 
  A Amizades desses três é linda e te dá aquela vontade de voltar os tempos de escola e ter amigos, que viram cúmplices em suas "armadilhas" e brincadeiras. Uma amizade muito gostosa e sincera. Green cria personagens ótimos e apaixonantes e quando eles estão no mesmo grupo, é só amor por eles.
   Falar desse livro é um pouco complicado ainda mais quando a leitura te ganha e você acha que suas palavras não irão expressar o quanto você gostou desse livro e o quando aprendeu com ele. Quem é você Alasca?  é um livro, que aborda a amizade, os valores da amizade, amor, sofrimento, e a vida.  É um livro cheio de reflexões e um misto de sentimentos, que te envolve do inicio ao fim. 
  A narrativa do livro é super gostosa, o livro é dividido entre "o Antes" e o "Depois", com a os pensamentos de Miles. Um livro muito gostoso de ler, que vai te acrescentar algo, acrescentou a mim, e espero que acrescente em quem ler. Super Recomendo!!


#Resenha - Perdão, Leonard Peacock - Matthew Quick - Por Manu Hitz

Perdão, Leonard Peacock
Matthew Quick
Editora Intrinseca
Páginas: 224
Skoob

É preciso coragem para crescer

  Há tanto a aprender em cada fase da vida! Desde crianças somos impelidos ao amadurecimento através do aprendizado, com os erros e os acertos, as vitórias e as derrotas, numa sucessão de experiências que constroem o que somos. Como lidamos com cada momento desse processo é o que nos define. E nesse caminho, crianças e adolescentes precisam do olhar atento de alguém responsável, para que as dores e as alegrias sejam registradas como peças fundamentais do desenvolvimento emocional saudável.

Leonard, no dia de seu aniversário de 18 anos, decide matar um ex-amigo e cometer o suicídio em seguida. O próprio Leonard é o narrador desse fatídico dia, desde o momento em que chega à escola com uma arma na mochila, até o final do livro. Ao longo das mais de duzentas páginas, conhecemos as pessoas mais importantes em sua vida: uma mãe ausente e negligente, um vizinho idoso e companheiro, uma garota por quem sente atração, um colega que toca violino, o professor de História e o ex-melhor amigo Asher.

  Nosso adolescente atormentado decide presentear quatro pessoas com algo significativo. Essa 'despedida' antes de executar seu plano é intrigante, porque Leonard deseja intimamente que alguém o ajude, que descubra que ele não está bem, que é seu aniversário. E assim percebemos a angústia e o medo que oprimem Leonard, a necessidade que ele tem de ser compreendido, cuidado, salvo de si mesmo. Outro ponto interessante da narrativa são as cartas do futuro, reforçando a rogativa de Leonard por auxílio, por alguém que diga que vai ficar tudo bem.

  O autor descreve os pensamentos e sentimentos ambíguos de um adolescente confuso, inseguro, carente de atenção, cuja mãe passa a maior parte do tempo longe do filho. É de sentir na pele o drama que Leonard experimenta, sem ter com quem desabafar e, mais grave ainda, não tem quem olhe para ele, quem de fato se preocupe com seu bem estar emocional.

   Em vários momentos reprovei e até mesmo odiei essa mãe omissa, irresponsável e egocêntrica, que vive só para si. Em outros, quis tanto acolher Leonard, conversar com ele e procurar ajuda para seu sofrimento. Ele está só, definitivamente.

  Matthew Quick desenvolve uma história que prende o leitor, especialmente por Leonard ser tão interessante, com suas observações sarcásticas e ponderações equivocadas sobre seus sentimentos. O que vai acontecer quando, enfim, chegar o momento de executar seu terrível plano? É o ponto alto da leitura, que mexeu com minhas emoções e gerou grande tensão. O livro arrancou de mim as cinco estrelas facilmente.


Resenha feita pela linda da Manu Hitz!!
Beijos

Os filmes mais aguardados de 2014

Hello peoples!!
Como vocês estão? Esse calor ta de desanimar né? pelo menos a mim, odeio calor gente, fico muito cansada e totalmente lerda rsrs... Mas enfim, hoje venho falar de alguns filmes que está sendo aguardado ansiosamente pelos fãs, vamos conferir?




A Menina que Roubava Livros - 31 de Janeiro 
 Creio que a maioria está ansiosa por esse filme né? Eu sou uma, li o livro e estou doida para ver essa história nas telonas.  SinopseDurante a Segunda Guerra Mundial, uma jovem garota chamada Liesel Meminger sobrevive fora de Munique através dos livros que ela rouba. Ajudada por seu pai adotivo, ela aprende a ler e partilhar livros com seus vizinhos, incluindo um homem judeu que vive na clandestinidade.








Divergente - 18  de Abril
Apesar de ainda não ter lido os livros, tenho uma enorme curiosidade, e estou ansiosa depois de ver o trailler do filme, que me deixou morta de curiosidade em ler os livros logo! E as fotos promocionais são lindas!! Quem mais está ansiosa pela estreia?
Sinopse: Na futurística Chicago, quando a adolescente Beatrice (Shailene Woodley) completa 16 anos ela tem que escolher entre as diferentes facções que a cidade está dividida. Elas são cinco, e cada uma representa um valor diferente, como honestidade, generosidade, coragem e outros. Beatrice surpreende a todos e até a si mesma quando decide pela facção dos destemidos, escolhendo uma diferente da família, e tendo que abandonar o lar. Ao entrar para a Dauntless, ela torna-se Tris e vai enfrentar uma jornada para afastar seus medos e descobrir quem é de verdade. Além disso, Tris conhece Four, um rapaz mais experiente na facção que ela, e que consegue intrigá-la e encantá-la ao mesmo tempo.


A Esperança - Jogos Vorazes Parte 1 - 14 de novembro

Ai meu Deus!! eu estou contando os dias, as horas e os segundos para a estreia de A Esperança! Sério, depois do final de "Em Chamas", a ansiedade aumentou e muuuito!! Chega logo novembro!!

















Academia de Vampiros -  14 de março 
Outra adaptação que estou com muita vontade de assistir! Li o primeiro livro da série e gostei, não foi aquela coisa, mas me deixou interessada! Espero que o filme não decepcione os fãs que estão contando os dias!! Alguém aí gosta de Vampire Academy?




Velozes e Furiosos 7
Um dos filmes mais aguardados de 2014, sem dúvida! Velozes e Furiosos é um filme e tanto, e sentimos muito pela morte do ator Paul Walker, um grande ator! Aguardo ansiosa para ver esse longa nas telonas!!!





A Culpa é das Estrelas -  06 de Junho
Mais um filme que a maioria dos leitores estão ansiosos pela estreia, apesar de alguns não estarem satisfeitos com as escolhas para os atores. Eu particularmente gostei dos atores, achei bem carismáticos. Enfim, espero que o filme não nos decepcione, estou criando muitas expectativas 


Então, quais são os filmes que vocês estão mais ansiosos para ver nas telonas!!
Informações retiradas do site "Adoro cinema'

#Resenha - Métrica - Colleen Hoover


Métrica
Colleen Hoover
Editora Galera
Páginas: 300
Skoob


Como pode um livro ser tão perfeito assim? 
Em Métrica, conhecemos Layken, uma jovem de 18 anos que perdeu seu pai e está de mudança junto de sua mãe e seu irmão, Kel, para outra cidade, Michigan. Lake não está muito satisfeita com essa mudança, sair da sua cidade natal, Texas, onde está o seu lar, seus momentos felizes com sua família, mas sua mãe Julia, não lhe dá opções.
 De inicio, Lake se senti deslocada, não pertence aquele lugar, onde não considera seu "lar", e isso a deixa desanimada, achando que nada ali irá coloca-la pra cima, que nada ali naquele lugar frio, nada irá te chamar a atenção, até conhecer seu vizinho, Will Cooper. 
  Will é um jovem lindo, fofo simpático e generoso, tem um irmãozinho, Caulder, que logo arruma um novo amigo, o irmãozinho de Lake, Kel. Lake e Will se conectam de uma forma bem sincera e é inegável a atração que um sente pelo outro. Os caçulas logo se identificam e se tornam verdadeiros amigos e são super importantes na vida de ambos.
  As coisas entre Lake e Will acontecem naturalmente, Will lindo que só, convida Lake para uma apresentação de Slam (uma apresentação de poesias, poesias de suas própria autoria), mas engana-se quem pensa que é só subir no palco e recitar, a poesia, é como a alma da pessoa que está lá no palco exposta de uma forma linda em palavras. Cada poesia linda que te deixa emocionada. 
  Lake não imaginava que depois de dias nublados em sua vida o sol poderia aparecer, ou melhor, Will, esse é o motivo real de Lake está com dias ensolarados. Nunca pensou que pudesse sentir a felicidade novamente. As coisas entre eles vão tudo bem, até o primeiro dia de aula de Lake.
Com uma narrativa envolvente, a autora nos apresenta uma história diferente, uma história que me cativou desde as primeiras páginas. Os personagens são tão bem construídos que é impossível não se apaixonar por eles, as crianças então,são os que mais me chamava a atenção, o modo como elas veem as coisas, coisas sérias, e arrumavam um jeito de darem a volta por cima. 
 Outro parte que chamou bastante a minha  atenção foi Eddie, a amiga nova de Lake, uma jovem muito simpática, inteligente, e totalmente pirada como a maioria dos adolescentes, mas Eddie, tem uma história e tanto, passou por poucas e boas e está sempre feliz e contagia a todos por onde passa. E sim, essa menina me emocionou com sua história. Os diálogos da Lake com Eddie são hilários.  
  Will é um fofo, mas acho que teve um certo exagero de responsabilidade na história, Will é um carinha certinho, responsável e segue as regras a risca. Acho que poderia ter um pouco de "ação" se é que me entendem haha... mas Will é um cavaleiro e ama poesias, suas poesias são lindas e é através delas que o conhecemos de verdade. 
 Lake, de inicio não me cativou, se mostrou uma menina mimada, e egoísta, mas com o decorrer da história vemos seu amadurecimento. Sua família é linda e as partes com seu irmão são ótimas, sua mãe uma mulher forte, quer que a filha seja forte e feliz, sem deixar as coisas ocuparem demais a sua vida. Lake também se abre em poesias e vamos conhecendo seus medos e seus desejos. 
 O livro é maravilhoso, com ótimas poesias para refletir. O diferencial desse livro é que não só foca nos dramas amorosos, tem o slam que foi bem introduzido, dando uma grande diferencial dos outros livros.
 Métrica é sem dúvida um livro maravilho e emocionante, que vai te prender do inicio ao fim, vai te deixar com lágrimas nos olhos, vai te deixar a noite inteira acordada querendo saber como as coisas irão se resolver. Super Recomendo,não deixem de ler!! Ansiosa pelo próximo livro!!
Espero que Gostem!!

#Resenha - O Duque e Eu - Julia Quinn


O Duque e Eu
Julia Quinn
Editora Arqueiro
Páginas: 288
Skoob

Um romance que se passa em Londres no ano de 1800, nasce o Duque de Hastings. Simon Basset, o herdeiro da Família.  Sua mãe acabou não resistindo ao parto e faleceu, ficando assim as cuidados dos empregados da casa. Quando seu pai retorna encontra uma criança de 4 anos que ainda não sabe falar e por isso acaba negando seu filho por acha-lo um retardado. Desprezando totalmente sue único filho.
 Simon se esforça para aprender a falar e acaba ficando gago, deixando seu pai mais furioso com sua gagueira. Então com muito mais determinação Simon aprende a controlar a sua gagueira, e tenta falar normalmente para que seu pai se orgulhe dele.Mas Simon não esperava que quando ficasse muito emocionado ou apreensivo, sua gagueira acaba atrapalhando seus planos de se apresentar para o pai que continua o desprezando.
  Diante de tal situação,Simon faz uma promessa,nunca irá se casar, nunca irá ter um filho, assim o legado da família terminará com ele.
  Simon sai pelo mundo, viajando por lugares, e cursando uma faculdade, onde conhece seu melhor amigo Anthony Bridgerton. 
 Simon decide voltar para Londres, onde encontrará várias mães querendo arrumar um bom marido para as suas filhas. Em seu retorno, Simon vai ao baile para agradecer uma pessoa que fez parte de sua infância, e se depara com Daphne, irmã de seu melhor amigo. Daphne está em apuros com um bêbado tentando agarra-la a força. Quando Simon decide ajuda-la, Daphne acaba o acertando com um soco, deixando o bêbado no chão. Os dois resolvem fazer um acordo, Simon decide ajuda-la a se livrar do corpo. Desde então os dois se divertem, e fazem um acordo, Simon terá de fingir estar interessado em Daphne para que outros homens se interessem por ela para que ela possa arrumar um marido. E Daphne manterá as outras mães fora do caminho de Simon, já que estão um interessado no outro.
 Mas Anthony, irmão de Daphne e melhor amigo de Simon, não concorda com isso, acha um absurdo essa história e deixa bem claro que se houver algum envolvimento de Simon com sua irmã, ele é um homem morto.
 Simon começa a frequentar a casa dos Bridgertons, e assim conhece todos os 8  filhos da viúva Viscondessa Violet. Violet é uma mãe simpática, que está doida para ver seus filhos muito bem casados e acaba ficando encantada quando o Duque se "interessa" por Daphne.
 Só que Daphne não esperava se apaixonar pelo Duque, e percebemos que o Duque também se interessa por Daphne, mas como ele pode se comprometer com essa jovem, se jurou nunca se casar, nunca ter filhos e tudo o que Daphne mais quer é ter uma linda família.
  Simon, acaba não resistindo e ambos se envolvem em um baile longe da vista dos outros,mas não esperavam que Anthony os estava vigiando de longe, e acabam sendo pegos aos beijos. Anthony deixa em claro que se desonrar  a sua irmã será um homem morto ou terá de se casar com Daphne. 
Simon é um verdadeiro cavalheiro, lindo e muito simpatico, é de arrancar suspiros o modo como ele trata Daphne.
 Diante de sua promessa, Simon acaba escolhendo a morte, ao invés de se casar com Daphne, para desgosto da mesma, achando que o Duque não a deseja. Mas Simon a deseja muito e não quer que Daphne perca a chance ter construir uma família. Será que Simon irá abrir mão de sua promessa?
   O livro é muito bem construído, com personagens ótimos que te cativam desde as primeiras páginas. Um romance histórico, com aquela mocinha sábia, que sempre tem as melhores respostas na ponta da língua. Com momentos bem engraçados, um romance difícil de desgrudar, Simon e Daphne são ótimos, com seus diálogos e pensamentos são claros e percebemos que ambos tem personalidade forte e quando metem alguma coisa na cabeça é aquilo e pronto. Um casal divertido que vai descobrindo o sentido do amor. Um amor sincero e puro, que hoje em dia é difícil de encontrar, uma jovem que tudo que quer é construir uma linda família ao lado do homem que ama.   Adorei cada personagem e estou curiosa para ler as sequencias, já que a autora irá falar de cada filho da Viscondessa Violet.  Recomendo o livro para quem gosta de um romance a moda a antiga e bem humorado!