E aí gente bonita, como vão ?


Então... Hoje eu tô aqui pra falar de um dos poucos livros que li esse ano: "Entre a mente e o coração", depois de ler esse livro percebi que há muito mais do que mente e coração nessa linha, talvez não sejam dois pontos exatos, talvez seja até um triângulo "Entre a mente, o coração e a fé". Lycia Barros é minha autora nacional favorita e agradeço a Tahis por ter me apresentado a ela me indicando ler "A bandeja" quase 2 anos atrás,( leia a resenha dela AQUI) de lá pra cá já li 4 romances dela e não me arrependi de nenhum.

Mas, vamos ao livro, que pode conter altos spoilers do primeiro, seja cuidadoso ao ler.

Depois de ser abandonado por Angelina, nosso Rico, (amor de todas nós), encontra em Ana uma boa ouvinte e uma ótima amiga, para ele, a fé de Ana é algo fora do normal, já que ele, novo convertido e ainda duvidando de algumas coisas, achando difícil crer em outras e não entendendo boa parte de tudo, não se imagina com uma fé daquelas. Mas, do berço dessa amizade nasce um sentimento que até então, Rico tinha esquecido e Ana tinha se proibido de sentir.

Ana aparece em "A bandeja" única e exclusivamente para encher os nossos corações de fé, empatia e amor ao próximo, agora em "Entre a mente e o coração", isso tudo fica ainda maior. Ana é uma missionária que viaja o Brasil inteiro levando o amor de Cristo a quem precisa, é centrada do que quer e firme na fé que segue, entretanto o nosso Shipp favorito dessa série de livros pode ser arruinado antes mesmo de começar, porque Ana esconde um segredo, segredo esse que faz com que ela não se relacione com ninguém, há anos.

Confesso que se eu já não tivesse um spoiler do que se tratava o segredo de Ana, eu nunca saberia. Pensei que ela já era casada, que tinha um filho em algum lugar, mas o tema abordado foi um tapa na minha cara e acredito que o tabu que gira em torno do assunto fará toda a comunidade conservadora refletir muito sobre como julgamos os outros, e fará toda a comunidade cristã, por mais desconstruída que ela esteja se tornando, perceber como às vezes o nosso maior problema, é que a gente não consegue se libertar de fantasmas do passado, até mesmo dos quais Deus já nos declarou livres.

Eu amo esse livro e vou defendê-lo com todas as minhas forças, "A bandeja" é uma obra prima da literatura cristã no Brasil, tanto que já é vendido em Portugal há anos, já foi traduzido para o inglês na amazon e atualmente está com seu filme em desenvolvimento, então cinco estrelas aqui só para ele, mas "Entre a mente como coração" leva 4,5 fácil. Então é isso galera, até semana que vem!





A Escolha Perfeita do Coração
Bianca Briones
Editora Verus


A Escolha Perfeita do Coração #1.2
O Desapego Rebelde do Coração #3

   Eu sou completamente apaixonada por essa série e fica difícil falar sobre os primeiros personagens, aqueles que fizeram você se apaixonar, torcer, chorar e ficar naquela bad terrível, mas foi maravilhoso voltar a ler a história de Viviana Villa e Rafael Ferraz e saber como esse casal lindo, com uma história de amor mais intensa está lidando depois dos problemas.
   A Escolha Perfeita do Coração é um livro que complementa a história do casal depois depois do livro "As Batidas Perdidas do Coração", continua de onde o outro parou.  Depois de 2 anos, Vivi volta para o Brasil, e não sabe como vai ser reencontrar Rafa. Como eles vão lidar com esse amor e o passado? Será que vale a pena tentar novamente? 
  Foi maravilhoso ter o Rafa e a Vivi novamente, a história deles é a minha favorita. Ver como o casal continua se amando mesmo depois de certos acontecimentos é incrível , nos mostra como o amor pode ser forte e fazer tolerar aquilo que para muitos não seria tolerável. 
  Não tem como falar muito desse livro, pois ele é bem curtinho, apenas para complementar a história de Rafa e Vivi. Como os livros dessa série engancha nos próximos, temos um pouco sobre o próximo casal, mas nada de spoilers rs'
  Concluo que mais uma vez Bianca apaixonada e ainda mais viciada nessa série que é só amor. Mais uma vez nos mostra que o amor ele supera tudo, que no final ele sempre irá vencer.

O amor é uma contradição. A mesma pessoa que pode partir seu coração em mil pedaços é capaz de juntar os estilhaços e fazer você se sentir inteira outra vez.

Oi gente, como vocês estão?
Por aqui tudo bem, o post de hoje está mega atrasado, assim como as leituras também rs' então resolvi juntar os últimos meses nessa postagem de últimas leituras rs' forma poucos livros lidos em cada mês, nem cheguei a dez.. é, fazer o que? Mas vamos conferir?




Janeiro:
Os Condenados - Andrew Pyper
Estava lendo esse livro desde Dezembro de 2016, e consegui finalizar só em Janeiro rs' então acabou entrando para esse mês. Esse livro estava na lista de desejado a um tempo e quando peguei a leitura foi bem arrastada, a história é envolvente com um suspense, mas nada que te assuste..Gostei do livro "O Demonologista" e fiquei interessa nesse também, o final foi bem satisfatório e em breve resenha.

O Erro - Elle Kennedy
Esse livro foi uma leitura maravilhosa, devorei e me apaixonei rs' segundo livro sa série "Amores Improváveis" que vem conquistando muitos leitores. Essa série é leve e muito envolvente, nada de muito mimi.. aborda temas como abuso, violência doméstica e sobre escolhas. Cada livro conta a história de um personagem e nesse livro conhecemos a história de Logan, talentoso e muito lindo, mas que tem que escolher seguir sua vocação ou cuidar da sua família. Já tem resenha 
aqui no blog, e eu super recomendo essa série, é muito fofa ♥



Fevereiro:

O Descompasso Infinito do Coração -  Bianca Briones
O mês de fevereiro exclusivo para os livros da Bianca Briones rs' amo demais essa série. Uma série que é muito amor, sério. Personagens lindos e muito cativantes, esse é o segundo livro da série e trata de um casal tão fofo que irá enfrentar tantas coisas para conseguirem ficar juntos, nesse livro vemos como a auto-estima é mega importante e como ela pode sim influenciar na nossa vida.. Bianca trata sobre assuntos importantes e com uma leveza incrível. já tem resenha aqui no blog, e é uma série que eu SUPER recomendo!

A Escolha Perfeita do Coração - Bianca Briones
Outro livro da Bianca que devorei rs'
esse livro é o livro 1.5 que é bom ser lido depois do primeiro livro rs' esse livro nos conta um pouco sobre o personagens Vivi e Rafa depois do primeiro livro, como que o romance continuou depois de certos acontecimentos. Se você ainda não conhece esses personagens, t convido a ler a resenha do primeiro livro aqui, e se apaixonar por esses dois, que passaram por uma mega barra, mas que sobre tudo, o amor venceu!


Março:

O Desapego Rebelde do Coração - Bianca Briones
Perceberam que os meses foram dedicados as obras da Bianca Briones né? haha adoro seus romances! Nesse livro temos os personagens mais hilários do grupo da família Rodrigo e Branca <3 como me diverti com esses dois, são como gato e rato, enfrentando a difícil decisão de assumirem o que realmente sentem. Em breve resenha por aqui!  

Entre o primeiro e último dia - Bicanca Briones
Esse é um conto publicado em e-book, que a autora escreveu como presente para nós leitores apaixonados pela série, nesse livro temos o grupo reunido para passarem a virada do ano juntos, e o melhor a história é narrada pelo Rafa, lindo e maravilhoso, me diverti demais com esse conto <3

Então pessoas, esses foram as minhas leituras dos três primeiros meses de 2017, o plano era ler mais, mas infelizmente não rolou rs' mas o importante é que as história me agradaram e me envolveram demais, foram ótimas leituras! E vocês, o que andaram lendo? Deixem nos comentários! Beeeijos!

Os 13 Porquês 
 Jay Asher
Editora Ática
  
 Finalizei a leitura desse livro com um peso no coração, é um livro intenso e muito triste! Quando acabei de ler, fiquei mal, mal por saber que tem muitas pessoas nesse mundo que não se importam uma com as outras, mal por saber que as pessoas preferem perder um amigo do que perder a piada, mal por saber que muitas acham isso tudo uma frescura que hoje em dia não se pode mais brincar. Essas pessoas não sabem o que a outra pessoa está passando, não sabe o quanto aquela brincadeira de mal gosto pode deixar a pessoa ainda pior. enfim, é um livro que deveria ser lido por todos os jovem e adultos possíveis, ainda mais nos tempos de hoje onde tudo é levado na brincadeira.

Não irei falar da história em si, pois todos já sabem do que se trata, mas sim a minha opinião sobre o livro e tudo mais.
   Falar de um livro que vem mexendo com todos é bem difícil. Esse livro está no mercado editorial desde 2014, e trás um assunto em pesado, pesado para uma sociedade hipócrita, uma sociedade que venda os olhos para as coisas importantes, mas que é aberta a tantas besteiras a tantas coisas estupidas que você para e pensa : “O que que eu estou fazendo aqui”?
    O livro aborda um dos assuntos que nos últimos anos veio aumentando consideravelmente entre os jovens, o bullying esse é o fato principal, mas diante dele, várias outras coisas vão aparecendo e acabam influenciando a pessoa a se sentir a pior pessoa do mundo. A Depressão.
Acho que todos já sabem o que se passa nessa história, certo, então vamos pular essa parte e ir direto ao que interessa, que é como o mundo anda cruel, como os jovens andam cruéis, andam mesquinhos, andam querendo se provar, andam querendo serem melhores que os outros, passando uns por cima dos outros, sem se importarem com os sentimentos.
A série veio para mostrar como segregar uma pessoa, só faz ela se senti mal, a  auto-estima baixa, parecendo que ela não merece viver ou conviver com as pessoas. A série veio para abrir os olhos até dos adultos mesmo, quem nunca riu daquela de um apelido que engraçado na escola? Quem hoje em dia não ri de piadas machistas, piadas homofóbicas? A série não fala somente de uma pessoa que foi excluída por ser uma garota, a série/livro ao meu ver engloba todas as situações, você não é melhor que ninguém para ditar quem é merecedor disso ou daquilo, suas atitudes e palavras machucam, ferem as pessoas, fazem com que elas mesmo se desprezem e chega um ponto que ela não vai aguentar tal pressão e vai pelo caminho mais fácil, triste , porém mais fácil e a culpa é de quem? Dela, que escolheu essa opção? Ou sua que não ligou para os sentimentos dela?


"Ninguém sabe ao certo o impacto que tem na vida dos outros. Muitas vezes não tem noção. Mas forçamos a barra do mesmo jeito"


     Assistindo essa série e lendo o livro, eu percebi como temos em nossa sociedade, jovens como os personagens do livro, como a história se repete, e eu me pergunto, mas porque ela se repete? Não temos capacidade de enxergar o quão mesquinho são nossas palavras e atitudes com essas pessoas? Será que é difícil se colocar no lugar do outro e pensar “eu não ia gostar se fosse comigo”.O que falta hoje é empatia, solidariedade, amor, amizade e compreensão. E isso a gente aprende dentro dos nossos lares, dentro das escolas, mas temos que ter força de vontade e parar de pensar que o grupo tal ou grupo de fulano, zoa assim, faz isso assim ou assado, temos que parar de seguir os outros e provar a eles que pode sim se divertir, sem ofender e diminuir os outros.
   Andei lendo alguns comentários na blogsfera sobre a série e respeito demais a opinião de cada um, (deixando isso bem claro aqui) mas, li que isso que a Hanna fez, gravar as fitas, era como uma "vingança". Eu, Tahis, não vejo como uma vingança, mas sim um forma de deixar os responsáveis cientes do que fizeram ou falaram, foi uma forma de conscientizar que certos comentários, mentiras, e atitudes, podem afetar a vida das pessoas. Não vi como uma forma de vingança. 
  Também li, que a série, seria como uma influência para os jovens cometerem suicídio, okay, isso eu até concordo um pouco, mas a série veio para mostrar para a sociedade o que é o bullying e como ele faz as pessoas se sentirem, como ele afeta a vida em sociedade, a vida emocional da pessoa, como deixa a pessoa deprimida e excluída. Essa série veio para dar um choque de realidade, gente, pelo amor de Deus, acho que TODOS precisam parar de criticar as coisas, de tentar tapar o sol com a peneira, essa série é uma realidade, ninguém sabe o que se passa com os jovens e adolescentes de hoje, ninguém, e acho que a série veio para mostrar isso, as vezes eles são o sinal mas ninguém tem tempo para perceber ou acham que é frescura ou oura coisa. Vamos parar de culpar a vítima, vamos ajudar ao invés de julgar, não sabe o que dizer ou fazer se perceber algum comportamento estranho, procura ajuda de um profissional para te orientar a lidar com a pessoa, mas não julgue ela e não diga coisas que podem coloca-la ainda mais para baixo.
  Essa resenha, foi meio que um desabafo, não sei rs' mas me empolguei e espero que tenha conseguido passar o que senti lendo esse livro e assistindo a série. Deixe nos comentários que achou da série, do livro, de tudo. 

Estava com saudade de assistir a um filme baseado nos livros do querido Nicholas Sparks <3 e estava louca para assistir "A Escolha" um livro  que lembro que devorei em 2012, tem resenha aqui no blog. E ano passado foi lançado o filme, fiquei super empolgada, mas não veio para os cinemas daqui - triste- enfim, eis que a Netflix - lindona - colocou no catálogo esse filme e claro não perdi tempo e hoje venho conversar sobre ele com vocês.

   Em A Escolha (2016)  conhecemos Travis Parker (Benjamin Walker)  um homem solteiro, de arrancar suspiros, com bons amigos, um bom trabalho. É um cara bem sedutor e atrai a mulherada na pequena cidade onde vive com sua família e ama seu trabalho. Sua vida é simples, um pouco solitária, a não ser pela companhia de seu cachorro.
  Também conhecemos Gabby (Teresa Palmer), uma jovem estudante de medicina, que acabou de se mudar para uma casa ao lado da de Travis. Gabby é residente no hospital da cidade, sempre muito estudiosa, desenvolve uma implicância com Travis pelos momentos de diversão rs' como rádio alto, churrasco com os amigos entre outras coisas, na verdade Travis é feliz, Gabby vive trancada dentro de casa com sua cachorra estudando, enquanto Travis aproveita a vida.. 
   Os dois acabam se conhecendo de uma forma não muito legal, pois seus cachorros acabaram se conhecendo antes rsrs.. e eis que a cachorra de Gabby fica prenha do cachorro do Travis hahaha... Para surpresa de Gabby, Travis é médico Veterinário, um dos melhores da cidade junto de seu pai, e ele cuida de sua cachorra. Depois de Travis "assumir" os filhotes pelo seu cachorro, ambos começam a se conhecerem e a atração ai é presente, porém Gabby tem namorado.Mas, a atração e interesse é inegável  e o envolvimento inevitável.. 




   A história começa no presente, e voltamos junto com Travis para o primeiro dia em tudo aconteceu, para cada momento que levou ao seu presente. Um história linda, simples que me emocionou bastante,  vemos a evolução dos personagens, seus medos, sonhos e desejos ao longo da história. 
  Travis é um homem completamente apaixonado e nada o fez desistir desse amor, nem as condições e nem o tempo, sempre ali com fé e muito amor, escolheu esperar.

   Os filmes/livros de Sparks possuem a mesma fórmula, um casal apaixonado, que se envolvem, e vivem felizes para sempre, mas a emoção li presente em cada história cada personagem é que é mágica para nós leitores de seus romances, acho que cada romance tem seu encantamento, mesmo que digam que é tudo a mesma coisa.  Em suma, é um filme que teve grandes modificações, um filme estilo sessão da tarde. 
  

   Os atores foram bons, não conhecia o trabalho deles, inicio, não tinha ido muito com a atuação do Benjamin Walker que interpretou o Travis, mas no decorrer do filme me acostumei. A atriz me agradou também, mas tudo muito simples rs'...
  Enfim, é um filme simples, que me agradou e me emocionou como sempre os filmes e livros do Nicholas Sparks.

Oi oi oi, pessoal tudo bem?




Aqui é a Tay de novo, como vocês estão?
Então amores, vim trazer para vocês a TAG: "Títulos literais" foi traduzida pela Thereza, do Thereza Reads e eu achei ela no Canal da linda da Aione Simões o Minha vida literária, ela é bem simples e consiste em dar nomes aos livros que traduzam a história ou o sentimento que o livro deixa, enfim.... Dizer o nome do livro com sinceridade haha.



1 - Não, eu não sou um livro machista!



A edição de Vida e Morte conseguiu mostrar a todos aqueles que leram, que Crepúsculo sempre foi uma história na qual o ser sobrenatural (Edward/Edhyte) tenta defender o ser humano infinitamente mais frágil que é o objeto de seu amor (Bella/Beau) de todos os perigos do submundo, acho que agora todo mundo que insiste em dizer que é uma história onde a protagonista é oprimida pelo namorado caiu por terra né? Até porque eu nunca entendi quando diziam que a Bella não era um bom exemplo... Ela ficou com o homem que queria, escolheu ser mão contra a vontade de todos e no fim foi a única coisa capaz de salvar toda a família, ainda não sei onde ela é a menina boba e frágil aqui... Vamos rever conceitos galera, feminismo não é só a vida que você leva.


2 - A culpa é do câncer


Acho que não precisa de explicação né? As estrelas não têm nada a ver com isso.

3 - Que homão manas, que homão!




Alguém leu esse livro e pensou em outra coisa? Eu só queria Tristan na minha vida, mais nada.

4 - Porque alguém escreveu um livro desse?



Esse livro só serve para nos fazer sofrer, chorar, querer salvar os personagens e ficar meses questionando verdades absolutas que nunca mudarão.

5 - Garota interrompida 2.0




Eu amo esse livro, amo muito. Mas, a leitura dele me lembrava muito a leitura de garota interrompida e isso não é uma critica a obra, é uma critica a sociedade como um todo, que deixa nossas meninas serem tão maltratas e oprimidas por vários padrões que impactavam a vida da mulher nos anos 80 (década na qual Garota interrompida se passa) até os dias de hoje.

6 - O livro mais fofo do mundo.



Gente, em 2016 eu fiz algumas leituras pelas quais não dava nada e acabei me apaixonando por elas, uma delas foi essa obra maravilhosa, que vontade de viver um amorzinho assim, doce, leve, responsável... Ai ai... Suspiro mesmo  <3

7 - O livro mais fofo do mundo 2



O que dizer desse livro? Outra grata surpresa de 2016, eu amei esses YA's que as pessoas chamaram de "bobinhos", mas que me trouxeram muito amor pra aquecer meu coração.

8 - Um dia caberia em 30 páginas.


Eu amo tanto os livros da Gayle Forman, mas tanto, que nem sei explicar, mas Apenas um dia me fez quase desistir de ler, porque eu achei que o livro que tem 384 páginas se passava todo em um dia! risos.

Então é isso pessoal, não há um limite ou um mínimo de livros a ser considerado na TAG.
Qualquer pessoa que quiser deixar seus títulos sinceros nos comentários, será muito bem vinda!


Bjs!

   Oi gente, como vocês estão? Por aqui tudo bem...
Estava esses dias na livraria e fiquei procurando algum livro diferente, aquela história misteriosa que te deixa presa, já faz um tempinho que não pego um livro desse para ler, e então me deparei com livros com títulos que começavam com "A Garota..." e eu fiquei pensando " que tanta "garota" nesses títulos gente " já perceberam? E boa parte desse livros são livros psicológicos ou bem tristes. Pensei em trazer alguns desses títulos, que boa parte está na minha lista de desejados. Me contem se já leram algum desses livros!

 Vamos a lista:



A Garota Do Lago -  Charlie Donlea 
Suspense e Mistério
Skoob
Compre aqui
Sinopse: "Alguns Lugares Parecem Belos Demais para Serem Tocados Pelo Horror..."Summit Lake, uma pequena cidade entre montanhas, é esse tipo de lugar, bucólico e com encantadoras casas dispostas à beira de um longo trecho de água intocada.
Duas semanas atrás, a estudante de direito Becca Eckersley foi brutalmente assassinada em uma dessas casas. Filha de um poderoso advogado, Becca estava no auge de sua vida. Atraída instintivamente pela notícia, a repórter Kelsey Castle vai até a cidade para investigar o caso.
... e logo se estabelece uma conexão íntima quando um vivo caminha nas mesmas pegadas dos Mortos...
E enquanto descobre sobre as amizades de Becca, sua vida amorosa e os segredos que ela guardava, a repórter fica cada vez mais convencida de que a verdade sobre o que aconteceu com Becca pode ser a chave para superar as marcas sombrias de seu próprio passado...



A Garota no Gelo - Robert Bryndza
Mistério e Suspense
Skoob
Compre aqui
Sinopse: Seus olhos estão arregalados… Seus lábios estão entreabertos… Seu corpo está congelado… Mas ela não é a única.Quando um jovem rapaz encontra o corpo de uma mulher debaixo de uma grossa placa de gelo em um parque ao sul de Londres, a detetive Erika Foster é chamada para liderar a investigação de assassinato.A vítima, uma jovem e bela socialite, parecia ter a vida perfeita. Mas quando Erika começa a cavar mais fundo, vai ligando os pontos entre esse crime e a morte de três prostitutas, todas encontradas estranguladas, com as mãos amarradas, em águas geladas nos arredores de Londres.Que segredos obscuros a garota no gelo esconde? Quanto mais Erika está perto de descobrir a verdade, mais o assassino se aproxima dela.Com a carreira pendurada por um fio depois da morte de seu marido em sua última investigação, Erika deve agora confrontar seus próprios demônios, bem como um assassino mais letal do que qualquer outro que já enfrentou antes.

A Garota Perfeita -  Mary Kubica
Mistério e Suspense
Skoob
Compre aqui
Sinopse: Mia, uma professora de arte de 25 anos, é filha do proeminente juiz James Dennett de Chicago. Quando ela resolve passar a noite com o desconhecido Colin Thatcher, após levar mais um bolo do seu namorado, uma sucessão de fatos transformam completamente sua vida.Colin, o homem que conhece num bar, a sequestra e a confina numa isolada cabana, em meio a uma gelada fazenda em Minnesota. Mas, curiosamente, não manda nenhum pedido de resgate à familia da garota. O obstinado detetive Gabe Hoffman é convocado para tocar as investigações sobre o paradeiro de Mia. Encontrá-la vira a sua obsessão e ele não mede esforços para isso.Quando a encontra, porém, a professora esté em choque e não consegue se lembrar de nada, nem como foi parar no seu gélido cativeiro, nem porque foi sequestrada ou mesmo quem foi o mandante. Conseguirá ela recobrar a memória e denunciar o verdadeiro vilão desta história?



A Garota do Trem -  Paula Hawkins
Thriller Psicológico 
Skoob
Compre Aqui Sinopse: Um thriller psicológico que vai mudar para sempre a maneira como você observa a vida das pessoas ao seu redor.Todas as manhãs, Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas dágua, pontes e aconchegantes casas.Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes a quem chama de Jess e Jason , Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess na verdade Megan está desaparecida.Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos.
Uma narrativa extremamente inteligente e repleta de reviravoltas, A garota No Trem é um thriller digno de Hitchcock a ser compulsivamente devorado.




Garota em Pedaços - Kathleen Glasgow
Ficção / Jovem adulto
Skoob
Compre Aqui 
Sinopse: Além de enfrentar anos de bullying na escola, Charlotte Davis perde o pai e a melhor amiga, precisando então lidar com essa dor e com as consequências do Transtorno do Controle do Impulso - um distúrbio que leva as pessoas a se automutilarem. "Viver não é fácil". Quando o plano de saúde de sua mãe suspende seu tratamento numa clínica psiquiátrica - para onde foi após se cortar até quase ficar sem vida -, Charlotte Davis troca a gelada Minneapolis pela ensolarada Tucson, no Arizona (EUA), na tentativa de superar seus medos e decepções. Apesar do esforço em acertar, nessa nova fase da vida ela acaba se envolvendo com uma série de tipos não muito inspiradores.Cansada de se alimentar do sofrimento, a jovem se imbui de uma enorme força de vontade e decide viver e não mais sobreviver. Para fugir do círculo vicioso da dor, Charlotte usa seu talento para o desenho e foca em algo produtivo, embarcando de cabeça no mundo das artes. Esse é o caminho que ela traça em busca da cura para as feridas deixadas por suas perdas e os cortes profundos e reais que imprimiu em seu corpo.




Garota Exemplar - Gillian Flynn
Suspense e Mistério
Skoob
Compre Aqui
Sinopse: Uma das mais aclamadas escritoras de suspense da atualidade, Gillian Flynn apresenta um relato perturbador sobre um casamento em crise. Com 4 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo – o maior sucesso editorial do ano, atrás apenas da Trilogia Cinquenta tons de cinza –, "Garota Exemplar" alia humor perspicaz a uma narrativa eletrizante. O resultado é uma atmosfera de dúvidas que faz o leitor mudar de opinião a cada capítulo. Na manhã de seu quinto aniversário de casamento, Amy, a linda e inteligente esposa de Nick Dunne, desaparece de sua casa às margens do Rio Mississippi. Aparentemente trata-se de um crime violento, e passagens do diário de Amy revelam uma garota perfeccionista que seria capaz de levar qualquer um ao limite. Pressionado pela polícia e pela opinião pública – e também pelos ferozmente amorosos pais de Amy –, Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamentos inapropriados. Sim, ele parece estranhamente evasivo, e sem dúvida amargo, mas seria um assassino? Com sua irmã gêmea Margo a seu lado, Nick afirma inocência. O problema é: se não foi Nick, onde está Amy? E por que todas as pistas apontam para ele?

Tinha mais alguns livros, mas para não deixa o post extenso, só coloquei alguns, e percebem que são todos Mistérios, thrillers.. sempre com uma garota desaparecida ou sofrendo... triste! São livros com assuntos que prendem do inicio ao fim, e pretendo ler alguns desse livros esse ano.. então aguardem resenhas <3 e me contem o que acharam, já leram algum desses livros? Se interessarem tem o link de compra, isso ajuda o blog comprando pelo link! rs' Obrigada pela visita e voltem sempre!




Oi gente, como vocês estão? Por aqui tudo ótimo e hoje temos novidade e resenhaaaa...
O blog agora tem uma colaboradora, minha amiga linda, que a blogsfera me presenteou, Tayana Alvez, a Tay <3 Essa mulher, que adora livros assim como eu, gosta de livros "bafão" sabem?, foi ela quem me apresentou um dos livro mais marcantes que já li, "Proibido" e agora a Tay faz parte do blog rs' e eu estou mega feliz. A Tay, tinha um cantinho também, super fofo, o "Let It Shine", mas devido a sua mudança de país, (ryyyca) teve de dar um tempo, mas, vamos ter as suas belas resenhas aqui. A Tay, tem um canal no youtube  onde ela conta sobre seu intercâmbio e gente, conheçam o canal, é muito bom e trás dicas de como se planejar até conseguir emprego. Visitem o canal dele e se inscrevam <3 então, vamos a resenha?

Oi, é a Tay aqui... Voltei, pra trazer uma das obras literárias mais difíceis de digerir que já li, se ela não é a mais difícil está entre as 3 mais com certeza, não, eu não estou falando de os 13 porquês, que também não é uma leitura nada fácil, estou falando de GAROTAS DE VIDRO.

Vocês conhecem? Já ouviram falar?
Leiam essa resenha e me digam se o livro merece uma chance pra mudar vocês tanto quanto ele me mudou.

Preciso começar dizendo que terminar esse livro me deixou com uma sensação indescritível de massacre.
 Lembro de não conseguir saber por uns 25 minutos.

Editora: Novo Conceito
Páginas: 272
Autora: Laurie Halse Anderson 
Skoob ♥♥

  Um livro completamente perturbador, triste, dolorido, difícil de digerir e chocante. Com uma história densa e avassaladora que nos coloca no lugar da protagonista 100% do tempo. Narrado em primeira pessoa, Garotas de Vidro nos apresenta a Lia, uma solitária e típica adolescente do séc XXI.
Porque típica Tay? 
Porque ela é parte integrante da população que sofre do mal do Século:

A Depressão!

           Não, não temos esse diagnóstico, e isso não é ponto central no livro. Mas, é sempre bom lembrar que a nossa juventude já é tão massacradas pelo sistema diariamente, que serviam pessoa com o emocional violado, já se tornou "tópico".

Voltando ao ponto central do livro, caímos de paraquedas num universo que aonde a única coisa que importa é a magreza. 

Lia aprendeu com sua agora ex-melhor amiga, Cassie, os benefícios e a necessidade de ser magra. Para além disso, fugiu de tudo que estivesse fora do eixo "Preciso ser magra a qualquer custo", para o mundo de vidro criado por Cassie e ela, sob a luz da lua onde um dia decidiram que seriam magras, "a menina mais magra da escola" era o desejo de Lia, e Cassie estava lá, a melhor amiga que tornaria aquele desejo realidade.

 Até que um dia,"essa bomba" explodiu e feriu Lia.

Feriu por que ela ficou sozinha num mundo que nunca tinha pedido pra entrar. 

Quando a família de Cassie descobriu o que estava acontecendo, a "fez"abandonar Lia, creditando à menina, os problemas sofridos por Cassie. Apesar de ser difícil viver sem a amiga e controverso que a amiga devesse se afastar dela, Lia aceitou e seguiu em frente. 
Afinal, não havia nada o que ela pudesse fazer, não importava continuar procurando por Cassie quando ela não estava mais ali. Cassie estava completamente convencida de que comer era bom e Lia era um inimigo. Conclusão: Ela estava certa de que tinha voltado a ser a Cassie de verdade e não mais a Cassie de vidro.
Depois de guardar todos os seus demônios no bolso, Lia seguiu com isso sabendo que Cassie realmente não era mais a mesma. 
Lia ainda contava cada caloria, Ainda buscava os ideias - e impossíveis 40Kg - ainda desejava comer as coisas que nunca conseguiria saborear sem culpa e sem colocar pra fora depois.
Bulimia
Anorexia
Flagelo
Sofrimento
Congelamento

Esse era o mundo de Lia, um mundo que já a torturava tanto que ela mal conseguia distinguir realidade de devaneio, e um dia olhar o celular mudou tudo, ou melhor, piorou tudo.

33 chamadas não atendidas.
33 chamadas de Cassie.

Não, deveria ser nada demais, Cassie ligou e até deixou recados, mas depois de MESES quem era Cassie para voltar e agir como se Lia a devesse algo com todas aquelas ligações ? Não era justo e fazer um pouco de doce, afinal não faria mal a ninguém, não é mesmo? 
  
Na verdade, sim, faria!

Lia lembrou-se das 33 ligações e várias mensagens de Cassie quando soube que a ex-melhor amiga tinha simplesmente morrido.

"... corpo encontrado em um quarto de motel, sozinho..."

Tradução: Cassie foi encontrada morta em um quarto de motel, sozinha, após tentar contato comigo 33 vezes, provavelmente Cassie morreu por minha culpa.
Foi o que Lia sentiu, e a partir deste ponto, acompanhamos o desenrolar da história.

Vivenciamos o presente de Lia sendo levados ao passado algumas vezes, conhecemos a Lia de "quando ela era uma garota normal", conhecemos a menina pura que fez amizade com a vizinha nova, a amiga que sempre cedia, que sempre tentava viver segundo o que a melhor amiga dizia e que se deixou levar por um submundo até o dia em que não tinha mais"amiga".

Descobrimos uma Lia tão obcecada pelos 40kg que seria capaz de qualquer coisa para alcançá-los, passeamos pelas tardes e noites que Lia é assombrada e perturbarda por Cassie e por todos os seus outros demônios porquê a fome e a falta de forças eram tão grandes que por vezes Lia misturava a realidade e fantasia em sua cabeça... Somos uma péssima Irma mais velha com Lia, somos uma filha mentirosa com Lia, vamos ao enterro de Cassie com Lia, vamos consultas médicas com Lia, nos pesamos sem roupa com Lia.

O capítulo mais impactante pra mim, é o 40, que tem paginas e mais paginas da seguinte reflexão:

blogger-image-1195144669.jpg

E um outro quote que me levou as lágrimas, foi:

"Eu amo você, Lia. Quando me casei com seu pai, eu jurei amar você como se você fosse minha. Mas, você feriu a minha menininha. Ela está tremendo de raiva. Você a machucou por morrer de fome, você a machucou com as suas mentiras, e por brigar com todo mundo que tentava te ajudar".

Como eu disse ali em cima, "nós... com Lia" porque você passa por tudo o que a Lia passa, mesmo que não queira, não foi uma ou duas vezes que precisei fechar o livro só pra dizer pra mim mesma:

Você não é a Lya!
Você não vai morrer de fome!!
Você não está vivendo isso!!!
Você não faria essas coisas!!!!

De tão bem escrito que o livro é.

Todo o processo de leitura é muito doloroso!!! Mas, é absolutamente necessário, afinal, ele é real. Existem centenas, senão, milhares de Lias e Cassies por aí apenas esperando pra serem ajudadas, acredito que "Os 13 porquês" tenha vindo em uma boa hora, e seria maravilhoso se outras obras como essas se tornassem mais tangíveis ao grande público.

Garotas de Vidro, assim como o outro livro da autora "Fale", traz até nós, temas que ainda são tabulizados e manipulados na nossa sociedade, como algo distante, algo surreal e principalmente, algo que nunca aconteceria com uma pessoa normal, mas isso acontece, com a menina deslocada, a popular e o exemplo, acontece até com a filha que todo pai queria ter, pode acontecer comigo e pode acontecer com você, eu odeio o jargão "Precisamos falar sobre", mas quando tratamos de problema tão graves quanto os que citei nessa resenha, nós precisamos sim falar, se ater, ensinar, educar e conscientizar.
Salvem Hannah Bakers, salvem Lias e Salvem Cassies ao redor do mundo, ele será muito melhor com essas pessoas citadas do que sem elas.




 O Erro
Amores Improváveis #2
Elle Kennedy
Editora Paralela



   O Erro, segundo livro da série Amores Improváveis da autora Elle Kennedy que está sendo publicada aqui no Brasil pela Editora Paralela. Não é novidade que os livros YA estão crescendo ao redor do mundo, e a eu amo esse gênero” pois é um misto de sentimentos,  são leituras leves ou intensas e sempre divertidas e algumas com grandes lições e exemplos.
Nessa série, a cada livro somos apresentados aos astros do hóquei na Faculdade da Briar e vamos conhecendo cada  um a cada livro, mas em cada livro temos uma visão geral dos personagens. Entenderam? Rsrs.. No primeiro livro conhecemos Garret, o capitão do time de hóquei e agora nesse livro vamos conhecer seu melhor amigo e melhor defesa do time, John Logan (suspiros), um jovem esforçado, com um futuro brilhante pela frente, onde pode conquistar grandes coisas com o hóquei, mas também esconde um grande segredo, um segredo que é o seu futuro, que coloca seu futuro em jogo, mas ele não quer pensar muito nisso, pois ainda tem seu último ano na Briar.
Depois de pensar estar apaixonado pela namorada do seu melhor amigo, Logan se afasta e decide “esquecer” investindo em festas e meninas e bebidas, mas as coisas mudam depois que conhece Grace. Com fama de mulherengo, Logan atrai olhares cobiçoso das meninas, mas não quer nada sério com elas, e sabe que elas também não querem nada mais que uma noite. Mas as coisas mudam quando conhece Grace, uma menina doce, gentil e muito tagarela.
Grace Ivers, é uma jovem tímida mas quando fica nervosa começa a falar sem parar, e acaba contando coisas desnecessárias, que acabam assustando os caras. Tímida, sempre viveu as sombras de sua amiga atirada, Ramona,  uma menina que só pensa em si, e arrasta Grace para as festas e empurra os carinhas pra cima da pobrezinha rs’  Ramona e Grace sempre foram melhores amigas, mas Grace anda cansada de viver as sombras da amiga e as as coisas começam a mudar depois que Ramona começa a duvidar de Grace.
   O Erro é um livro bem gostoso de ser lido, li em três dias, mas li com uma pena de acabar, pois o terceiro ainda ia demorar um pouco a ser lançado. Esse livro segue a mesma linda do primeiro, leve, divertido, com personagens bem criados e desenvolvidos e assuntos importantes, o vício e a dependência do álcool e como esse fator pode destruir não só a vida da pessoa, mas as pessoas ao seu redor.
  Mais uma vez Elle Kennedy me prendeu e me conquistou com essa história, que a principio parece clichê, mas é mega envolvente e quando você menos espera está com o sorriso no rosto, torcendo para que as coisas deem certo. 
Não vou falar muito sobre o livro, pois é bem fácil deduzir que vem a acontecer rs' então leiam, se gosta de romances leves, divertidos, esse livro é ótimo, para distrair a mente e se apaixonar.