Resenha -Mais Uma Chance para o Amor- Mila Maia

Leia mais

O Que Andei Lendo - Agosto - Setembro

Leia mais

Resenha - Casada Até Quarta - Catherine Bybee

Leia mais

#Resenha - Cidades de Papel - John Green

   

Cidades de Papel
John Green
Editora Intrínseca
♥ ♥ ♥ ♥ ♥

   Em Cidades de Papel conhecemos Quentin Jacobsen, um jovem de 16 anos que está no último ano do colégio junto de seus amigos Ben e Radar. Quentin desde sua infância é apaixonado por Margo Roth Spielgelman e acredita que ela seja o seu milagre. Quentin e Margo se conhecem desde pequenos e eram amigos, brincavam pelo bairro de  Jefferson Park juntos. Em um dia andando de bicicleta pelo parque os dois encontram um cara morto, Margo adora um mistério e começa a investigar a morte desse homem com apenas dez anos de idade e conclui que os fios dele se arrebentaram e Quentin nunca se esquece dessa ideia de Margo. Agora, Margo e Quentin se tornaram apenas conhecidos. Margo é a menina mais amada e descolada da escola, enquanto Quentin e seus amigos nerds só a observa de longe.
   Em uma noite, Margo aparece na janela de Quentin como antigamente e pede a chave de seu carro emprestado, segundo ela precisa concertar algumas coisas e colocar outras no lugar. Não entendo muito bem, Q.(como é chamado pelos seus amigos) decide ir junto de Margo e vive uma noite de muitas aventuras junto dessa menina que se tornou um mistério para ele.  No dia seguinte Quentin fica sabendo que Margo fugiu, isso não é a primeira  vez que acontece, pois ela cedo ou tarde acaba voltando para casa. Mas dessa vez algo foi diferente e Quentin sabe disso, então resolve procurar pistas que Margo sempre deixa para ser encontrada. 
  Quentin é um jovem estudioso e muito inteligente e conta com a amizade de Ben e Radar, seus melhores amigos desde sempre. Junto com seus amigos Q. vai investigando o sumiço de Margo em meio as cidades de papeis, junto de Ben, Radar e Lancey amiga de Margo. 
  Com uma narrativa dinâmica e super envolvente, viajamos nas investigações de Quentin e seus amigos atrás de Margo. 
Ben é um magricela muito engraçado,  muito sincero e direto. Louco para vivenciar a experiência de ir ao bale de formatura com uma menina super "gatinha" como ele mesmo diz. Ben é um amigo para todas as horas, sempre com uma boa piada.
Radar é o nerd, administrador e criador de uma site de pesquisa, mas não aquele nerd esquisito. Um nerd muito descolado e possui uma namorada, Ângela. Radar tem uma família um pouco estranha, seus pais tem um Hobby muito dos esquisito: Colecionar papai noéis negros. Sim, isso mesmo que você leu, e com isso tem um pouco de "receio" em levar sua namorada para conhecer a sua casa e seus pais. Ben e Quentin o conhecem a um bom tempo e sabem desse "Hobby" de seus pais.
Com esse trio nem percebemos o quanto a leitura voa, as conversas são bem escritas, os personagens muito bem desenvolvidos e com personalidades muito marcantes. Cara, é John Green né? 
 Cidades de Papel é um livro que fala sobre amizades, sobre a vida e sobre a sociedade.  Um livro sobre a vida, sobre como queremos ser notados e como vivemos as vezes em uma grande bolha de mentira, onde somos descartados e fáceis de sermos dobrados que nem papel. John Green possui uma ótima escrita, seus livros são reflexivos mas não monótonos, ele mescla o divertido o sério não deixando o leitor largar o livro. Recomendo! 

  Cidades de Papel está sendo produzido para as telonas com lançamento previsto para o dia 16 de julho de 2015, com Nat Wolff como Quentin, e Cara Delevingne como Margo Roth Spielgelman.  Ansiedade define! O que acharam da escolha dos atores?? Comentem!! Beijos!!! 

Um comentário:

  1. Olá Tahis!! Cidades de papel foi minha ultima leitura, e confesso que fiquei bastante surpresa com a historia, gostei bastante da trajetória dela e de seus personagens ( crescimento e evolução deles) , pois não girou somente em torno do casal principal. A leitura foi rápida e gostosa. Beijos ♥

    ResponderExcluir

Olá, que bom ter você aqui no meu cantinho, obrigada pela visita e pelo seu comentário, saber a sua opinião é muito importante! Volte sempre!