Resenha - Partiu Vida Nova - Leila Rego

Leia mais

#Conto - Além do que se vê + entrevista com autora Tayana Alvez

Leia mais

Setembro Amarelo - Livros sobre Suicídio

Leia mais

#Resenha - A Herdeira - Kiera Cass



A Herdeira
Kiera Cass
Editora Seguinte
♥ ♥ ♥
A Seleção
A Elite

    America Singer passou pela Seleção e conquistou o coração do Príncipe Maxon, apesar do final trágico, o reinado do casal foi tranquilo e cheio de amor. Os dois conquistaram coisas para o povo de Illéa, como a retirada das castas. Com isso o povo poderia viver tranquilo, sem serem digamos descriminados pela casta a que pertence, assim conquistando mais empregos e igualdade social.
  America e Maxon formaram uma linda família,cercada de muito amor, respeito e amizade. Tiveram os gêmeos, primogênitos, Eadlyn e Ahren (nomes muito estranhos) e por causa de sete minutos, Eadlyn acabou sendo a sucessora do trono de Illéa. Agora Illéa será comandada por uma mulher, a princesa Eadlyn,
  Eadlyn cresceu sabendo que assumiria o trono de seu pai e que tal função requer muita responsabilidade e treinamento. Além de se manter forte, determinada e muito confiante para governar e tomar série decisões. Mas... Eadlyn é uma pessoa difícil, mimada, prepotente e muito egoísta.  Como uma pessoa assim conquistará seu povo? Como uma pessoa assim tomará sábias decisões para o País progredir?
   Mas nem tudo está perdido, por sorte a família real possui membros muito mais agradáveis e solícitos. Ahren, gêmeo de Eadlyn é totalmente o oposto da sua metade, sempre muito gentil, está sempre tentando ajudar Eadlyn, e a convence-la  de que ela deve ser mais simpática, que esse jeito dela, só afasta as pessoas. Também temos Kaden, irmão do meio que acha que está mais preparado que Eadlyn para assumir o trono, mas devido a pouca idade não será possível. rs'
 Osten é o caçula, um menino muito agitado que adora aprontar com os outros. Achei America totalmente diferente, se tornou uma verdadeira Rainha. Maxon continua o mesmo, sempre muito amável e compreensivo. achei compreensivo demais com Eadlyn, ta aí o motivo dela ser tão mimada, com um pai assim, até eu ficaria rs'.
  O livro foca muito nos pensamentos de Eadlyn e acaba deixando a família um pouco de lado. Acho que poderia ter explorado mais os irmãos que são bem mais agradáveis. Eadlyn é independente e acha que consegue governar Illéa sozinha, ou seja sem um marido. Não se vê apaixonada por alguém como seus pais são. Mas diante das circunstância, o povo anda fazendo rebeliões em alguns lugares, e para tentar distrair o povo, seu pai decide que uma Seleção seria ótimo para alegrar o povo e consequentemente uma boa para Eadlyn se apaixonar e conseguir um companheiro. Claro que ela é contra a Seleção, mas diante da situação se vê "obrigada", mas deixa bem claro para seus pais que não irá se apaixonar e que não está a procura de um marido.


   Eadlyn não é o tipo que agrada, a maior parte do livro ela se vangloria muito, parece que ela é muito mais importante ali, acima até do povo. Empurrei a leitura até a metade, várias vezes queria entrar no livro e dá uns tapa pra vê se ela acordava e percebesse que o mundo não gira em torno dela. E com a Seleção ela estava com vários planos jtá bolados para tornar a vida dos selecionados em um verdadeiro inferno.
  A Seleção começa e os selecionados são apresentados a princesa que não faz questão alguma de mostrar simpatia. O que poderia ter se tornado um desastre a seleção continuou, mas sempre de uma form teatral. os candidatos acrescentam muito a trama, mas não temos ainda uma definição da Princesa. Mas dentre os selecionados é claro que eu já tenho um favorito. hahaha.. a princesa é muito fresca rs'
  Enfim, o livro termina de uma forma que me deixou muito curiosa, e foi o final que me convenceu a continuar lendo a série. Criei uma expectativa alta para esse livro e me decepcionei, mas espero que no próximo livro Eadlyn esteja mais madura diante dos acontecimentos. O livro tem sim a acrescentar princialmente para revermos algumas coisas em nós mesmo, nossas atitudes, nosso jeito de se comporta e tratar as pessoas.
  A narrativa da Kiera continua simples e fluida, o que me tirava do sério mesmo era a Eadlyn e seus pensamentos egoístas e comportamentos. Os selecionados são mais divertidos e mais cativantes que a própria princesa. Mas espero que nos próximos livros as coisas melhorem rs' não vou mais me prolongar, já perceberam que não fui muito com a cara da Eadlyn né? Então, leiam e tirem suas próprias conclusões e me contem! Pra quem já leu deixe nos comentários rs'

33 comentários:

  1. Olá!
    Sou apaixonada por A Seleção, pelo menos até A Escolha, A Herdeira ficou aquém do resto da série, a Eadlyn me irritou muito, só irei continuar a série por causa daquele final. A única coisa que gostei no livro foi a America e o Maxon continuarem os mesmos.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kah!
      Também não fui muito com a cara da Eadlyn, e aquele final? Preciso saber como as coisas iram ficar! hahaha...

      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir
  2. Ainda não li nenhum dos livros da série, também não tive curiosidade para isso. Parece ser um um livro bem legal para quem gosta do gênero.

    ResponderExcluir
  3. Oie!
    Ainda não li "A seleção". Confesso que, a premissa do livro não e chama a tenção. Muitas amigas são apaixonadas pelos livros da série, mas ainda não me senti convencida a tentar a leitura. Parabéns pela resenha.

    Beijos,
    Dai | www.cheirodelivronacional.com.br

    ResponderExcluir
  4. Amo essa coleção de livros <3
    http://garota-popular-gp.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá :)
    Nunca me interessei por ler a série mas sempre leio resenhas positivas sobre.
    Abraço
    http://interessantedeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oiii!!!

    Eu tô com esse livro aqui para ler, mas ainda não tive a oportunidade de ler ainda. Confesso que não tenho mais nenhuma expectativa para a obra, só vi negativas para essa continução. Na verdade, a Seleção não foi minha série favorita, mas a escrita da autora me ganhou. Então daria uma chanc só pela escrita dela


    Beijinhos!
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Eu ainda não li, mas já não gosto da Eadlyn (que nome horroroso) justamente por sua prepotência, ela é irritante demais! Eu adoro a escrita da Kiera, me cativou demais, devorei as leituras em tempo recorde. Apesar da chatice da princesa, vou dar uma chance a obra, justamente para saber como termina (pelo menos como termina essa fase, já que vai ter próximo livro).

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá!!

    Tenho que dizer que amo A Seleção, mas odeio a Eadlyn. Ela é muito cheia de si, mas acho que as coisas estão mudando, pouco a pouco. Ainda mais depois do final (que me fez chorar muito no metrô)!!!
    Só resta esperar o próximo volume.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Eu li apenas o primeiro livro da serie, comecei a ler o segundo e me decepcionei um pouco.
    Eu já vi muito comentários sobre esse livro, e confesso que não estou animado para lê-lo. Só de ler a sua resenha, já confirmou que não eu não gostaria da Eadlyn, não tenho paciência para personagens mimados.
    Achei os nomes escolhidos bem diferentes, será que tem algum significado para autora?
    Gostei de sua resenha.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Oi, me perdoe por não ler sua resenha inteira, porque comprei A seleção e estou fugindo de spoilers. Assim que ler A Herdeira corro aqui pra entender mais sobre a sua resenha haha espero que me perdoe. <3

    ResponderExcluir
  11. Pra falar a verdade, não li sua resenha rsrsrs... To lendo a escolha e já peguei uns como não quero pegar mais nem li, desculpa! Mas estou adorando a série!

    Abraços, Miguel do Demasiadamente Lendo

    ResponderExcluir
  12. Mulherrr, eu comprei a série e embora não tenha lido ainda, não me contive e li sua resenha até o final :( kkkkkkkkkkk Será que vou odiar a Eadlyn tb? OMG!


    http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Gente... Por que ninguém amou a Eadlyn como eu? Hahahaha
    Eu vivo dizendo isso em todas as resenhas que leio de A Herdeira, e vou dizer de novo. Eu compreendo totalmente o porquê do jeito de Eadlyn ser tão independente e autoconfiante, e as vezes "Metida"... Eu a compreendo...
    Sim, também achei que faltou foco nos irmão, eu passei o livro todo esperando pelas travessuras de Osten e no final, não vi nada! Hhahaha

    O final me deixou louca de preocupação, e acho que foi essa a ideia de Kiera!

    Beijos!

    http://tordodemorango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Tahis!
    Ainda não li nada da série A Seleção, e como não para de aparecer mais e mais livros, acabo desanimando um pouco. Já li outras resenhas em que fizeram as mesmas reclamações que vc do caráter da personagem, então estou bem desanimada para ler.

    B-jussss!
    http://www.quemlesabeporque.com/

    ResponderExcluir
  15. Ola Tahis,
    Eu já ouvi falar tanto dessa série que nem sei mais o que fazer, me sentindo uma E.T por ainda não ter lido, as vezes parece que sou a única na face da terra que ainda não leu.
    Mas não sei não, acho que o fato de dar uma continuação tão longa para história pode acabar estragando a mesma ou tornando cansativa.
    Pelo que entendi, com a sua resenha, a autora esta dando continuidade na vida do casal, e formando novas histórias.Ainda não me sinto preparada para ler a série, quem sabe um dia...

    Beijokas

    Paraíso das Ideias

    ResponderExcluir
  16. Todo mundo fala tão mal dessa menina que já desisti de ler o livro.
    Eu no lugar da América, mandava essa menina abaixar a bola, sossegar o facho, parar com esse feminazismo exagerado porque quem sustenta ela é todo o reino é um homem, então case-se e cale-se.

    Hahahahahahahaha
    Bjs
    Tay do Let it Shine

    ResponderExcluir
  17. Oie
    Eu também achei o nome dos gêmeos difíceis,e pelo visto todo mundo achou a Ead mimada.Como eu nem comecei a ler a Seleção ainda a leitura desse livro só vai acontecer numa futuro,que aparentemente está bem longe.Os selecionados devem ser bem divertidos,e é legal acompanhar essa perspectiva dos homens procurando se casar com a princesa e não as mulheres disputando o príncipe como na primeira história.E há mais quantos livros depois desse?,também vai ser uma trilogia?.

    ResponderExcluir
  18. Eu nunca li nenhum livro da Kierra Cass, mas tenho vontade de ler esses livros. No começo quando foram lançados não tive muita vontade de ler pois achei que era um tipo de livro diferente, mas depois me interessei pela estória.

    ResponderExcluir
  19. Quando o livro possui uma protagonista chata/mimada eu raramente curto a leitura, pois passo boa parte do tempo que leio querendo bater no tal personagem e isso faz com que a leitura fique massante... Não tenho muita curiosidade com essa serie, portanto irei passar. Sua resenha ficou ótima!! Acho que a única coisa que me chama atenção nesse livro é a capa belíssima <3
    Beijo

    ResponderExcluir
  20. Menina, acho que não houve quem simpatizasse com essa Adlyn, só vejo a galera reclamando do comportamento dela. Ainda não li nenhum livro da série, então não tenho como opinar, mas espero curtir quando resolver ler.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  21. Confesso que esse livro foi o que eu menos gostei da serie, a personagem achei bem chata e egoísta, espero que o quinto e ultimo livro possa superar esse.

    ResponderExcluir
  22. Oi!
    Gosto muito dessa serie e acho que esses livros narrados pela Eadlyn ter mais um caráter politico do que romântico, gostei dessa primeiro livro mas acho que porque não tinha muitas expectativas mas devo admitir que com o final espero muito mais do próximo !!

    ResponderExcluir
  23. Oi Tah,
    Não sou amante de distopias, então só queria os livros porque gostei das capas O.o
    Esse livro trouxe opiniões contraditórias, mas nem isso foi o suficiente para me interessar a começar a série.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  24. Nem comecei a ler a série ainda, porém já desgostei de Eadlyn cara, ela parece mais uma dessas garotas riquinhas que são filhinhas do papai (e da mãe, claro). Maxon parece ser encantador, e já gostei dele.

    ResponderExcluir
  25. No momento estou lendo A Herdeira e sinceramente minha opinião sobre a Eadlyn é a mesma que a sua, ela acha que tudo gira em torno dela e essas coisas, e isso me irritou em diversas partes do livro, mas em geral eu curti a história a leitura é super fluida o que facilita bastante.

    ResponderExcluir
  26. Esta é uma série que tenho grande interesse e já tenho até os dois primeiros livros na minha estante, mas ainda não tive oportunidade de ler, pois quero completar ela primeiro para depois poder iniciar a leitura e ler em sequencia. Sempre leio muitas resenhas positivas e esta é uma das minhas metas para o ano que vem!

    ResponderExcluir
  27. Eu li esse livro, e esperava mais. Eu odiei a Eadlyn, sinceramente acho que perdi tempo lendo esse livro. Eu fiquei muito animada pela seleção agora ser a princesa que procurava um noivo, mas é muito difícil gostar da princesa.
    Bom pelo menos a capa é bonita.
    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Eu tenho e li os 3 primeiros livros - e os contos - e gostei, mas não é a minha saga preferida.
    Eu achei a America inúmeras vezes uma chataaa.
    E não quero mais ler nada sobre Illéa. Pra mim o ciclo fechou!
    Eu não quero "ver" America e Maxon mais velhos... não quero pensar que eles podem morrer ou sei lá o que...
    Mas eu curti a resenha, apesar do enredo permanecer semelhante!
    Eu achei que este livro seria o último quando li sobre o lançamento, mas dai Eadlyn não escolheu ninguém para o "cargo" de rei.
    E porque a guria é morena gente?? tinha que loira ou ruiva, hehehehehhee
    Talvez eu leia talvez não... hehe
    Curti sua resenha! Parabéns. Bjs

    ResponderExcluir
  29. A Eadlyn não tem nenhuma semelhança com a America. Acho que ela estragou todo o livro com a sua arrogância.
    Acho que minhas expectativas estavam altas de mais para essa leitura. Para o próximo livro não vou esperando nada.
    Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  30. Olha nutro uma relação de amor e ódio pela Eadlyn, oooh menina mimada, Jesus!!
    Mas também entendo seu lado, sei que tudo não está sendo fácil para ela, e torço para que ela tenha um final incrível, como seus pais tiveram.
    Agora que ela parece uma encarnação da Celeste + rei Clarkson isso parece!! kkkk
    bjos

    ResponderExcluir
  31. Oie, tudo bem? Sempre leio diversas resenhas sobre esse livro e todas falam super bem, mas confesso que nunca li. A história parece ser muito interessante, e a escrita da autora cativante. Beijos, Érika

    ~www.queroseralice.com.br~

    ResponderExcluir

Olá, que bom ter você aqui no meu cantinho, obrigada pela visita e pelo seu comentário, saber a sua opinião é muito importante! Volte sempre!